Topo

Nintendo


Edição rara de "Super Mario Bros." é leiloada por mais de R$ 370 mil

Reprodução
Imagem: Reprodução

Do GameHall

2019-02-15T14:41:27

15/02/2019 14h41

Uma cópia original e lacrada do clássico "Super Mario Bros.", lançado pela Nintendo em 1985 para o NES, foi vendida em leilão por um valor recorde de US$ 100.150, ou cerca de R$ 371.965,00 na cotação do dia.

"Além do significado artístico e histórico desse jogo está o estado supremo de preservação", afirmou Kenneth Thrower, cofundador da Wata Games, firma especializada na avaliação e em leilões de jogos eletrônicos.

A Nintendo lançou vários edições de "Super Mario Bros." de 1985 a 1994, resultando em 11 variações de caixa diferentes. As duas primeiras variações foram as únicas seladas, vendidas como teste de mercado apenas em Nova York e Los Angeles em 1985 e 86. De acordo com a Wata Games, esta é a única cópia selada conhecida, o que a torna um item extremamente raro.

"'Super Mario Bros.' não é apenas o jogo mais conhecido de todos os tempos, que salvou a indústria de videogames em 1985", disse Deniz Kahn, presidente da Wata Games.

"Em termos de raridade, popularidade e relevância para os colecionadores, este jogo tem tudo. Mario é o personagem ficcional e não ficcional mais reconhecido do mundo, mais até do que o Mickey Mouse. 'Super Mario Bros.' lançou a maior franquia do mundo e esta cópia é o único exemplo selado conhecido do lançamento no mercado de teste da Nintendo".

O jogo foi comprado por um grupo de colecionadores no dia 6 de fevereiro, que inclui alguns dos maiores nomes de colecionadores de videogames do mundo.

Segundo o colecionador Zac Gieg, essa cópia é equivalente à valiosa revista em quadrinhos Action Comics #1, que tem a primeira aparição do Superman - e que em 2014 chegou a ser vendida em leilão por US$ 3,2 milhões.

"Esta é a primeira aparição do Superman dos videogames", comparou. "Nós sabíamos da dificuldade de encontrar uma cópia aberta desta versão em boa condição, mas encontrar uma ainda selada é verdadeiramente algo que eu pensava que nunca veria, mesmo após vender videogames clássicos por mais de 20 anos".

E provavelmente, dado o alto valor histórico e monetário, o jogo continuará selado.

Siga o UOL Start no

Mais Nintendo