Topo

Geek


Os Flintstones e os Jetsons vivem no mesmo universo?

Reprodução
Realidades colidem: Fred Flintsone e George Jetson finalmente cara a cara Imagem: Reprodução

Do UOL, em São Paulo

2017-07-04T10:12:22

04/07/2017 10h12

Praticamente todo mundo abaixo dos 60 anos cresceu com “Os Flintstones” e “Os Jetsons”, dois dos primeiros grandes seriados animados na televisão a divertir crianças e adultos por todo o mundo.

Copiando na cara dura o modelo da clássica sitcom americana “The Honeymooners” (não, é sério, nem dá pra disfarçar), a Hanna-Barbera conseguiu emplacar dois desenhos animados em pleno horário nobre americano, trocando o dia-a-dia contemporâneo de Ralph Kramden com a pré-história de Fred Flintstone e o futuro de George Jetson.

Mas por décadas uma pergunta ficou na cabeça de muita gente: será que o mundo dos Flintstones é o mesmo dos Jetsons, mas em épocas diferentes?

A resposta curta: sim.

A resposta longa: sim, pelo menos desde 1987.

Reprodução
Nos anos 80 não havia muita criatividade com títulos Imagem: Reprodução

Pois foi naquele ano que a Hanna-Barbera produziu o especial para a TV com o apropriado nome "Os Jetsons e os Flintstones se Encontram", com as duas famílias mais famosas da animação finalmente interagindo.

No filme, Elroy Jetson desenvolve uma máquina do tempo para enviar sua família para umas férias no século XXV, presumivelmente para conhecer Buck Rogers (ou, ao menos, Duck Dodgers).

Graças ao cachorro Astro, porém, os Jetsons são enviados ao passado: mais especificamente, para a cidade de Bedrock, onde conhecem Fred, Wilma, Barney, Betty e outras figuras do desenho original.

Em algum momento, naturalmente, os Flintstones é que acabam sendo enviados para a época dos Jetsons - ganhando fama por serem homens das cavernas no futuro.

Reprodução
Imagem: Reprodução

Vale a pena assistir o especial, 30 anos depois? Meh. É longe de ser péssimo, mas não chega perto da qualidade dos originais, servindo mais como um caça-níquel passável com algumas curiosidades - como George mencionando que, na época dos Jetsons, a grama não existe mais.

Ainda assim, o especial teve um efeito significativo entre os fãs, que criaram até uma nova teoria a respeito deste mundo compartilhado

Reprodução
Imagem: Reprodução

Planeta dos Flintstones

Nos anos após a exibição, alguns fãs começaram a imaginar: será que os Jetsons foram realmente para o passado?

E se, como argumenta a teoria, Elroy e Astro realmente mandaram a família para o futuro, e os Flintstones na verdade vivem em um mundo pós-apocalíptico, um "Planeta dos Macacos" às avessas?

Como muitas teorias de fãs, não há tanto de informações oficiais que confirmem isso, mas há suficiente para dar pano pra manga entre os mais criativos, especialmente ao se considerar o dia a dia dos habitantes de Bedrock: ao contrário de sociedades primitivas de verdade, os Flintstones tem uma vida bem similar ao do mundo contemporâneo, indo a um trabalho remunerado, dirigindo carros, assistindo TV, e tudo mais.

Segundo estes fãs, isto seria na verdade uma tentativa dos homens das cavernas pós-apocalípticos de recriar elementos de sua civilização perdida em algum cataclisma.
Isso certamente explicaria os dinossauros e animais inteligentes que são usados como eletrodomésticos (porque não importa a época, o ser humano sempre vai querer explorar alguém ou alguma coisa a seu favor).

Esta teoria tem ganhado popularidade nos últimos anos, com figuras como o apresentador Chris Hardwick argumentando em seu popular podcast Nerdist que a humanidade sobreviveu a uma guerra com robôs e passou a renegar a tecnologia do passado entre os dois desenhos.

Reprodução
É basicamente o universo de "Duna", mas com a Rosie como principal inimiga do passado distante Imagem: Reprodução

Novamente, isto é mais produto da imaginação de quem cresceu com “Os Jetsons” e “Os Flintstones” do que qualquer coisa, mas não é como se alguém da Warner (que adquiriu a Hanna-Barbera e todas as suas propriedades) estivesse reclamando disso.

A questão maior é: onde Scooby-Doo e sua gangue se encaixam em tudo isso?