Topo

PlayStation


Pela primeira vez, mobile rende mais para a Square Enix do que consoles

Divulgação/Square Enix
Games como "Final Fantasy Brave Exvius" lideraram melhor ano da Square Enix Imagem: Divulgação/Square Enix

Do UOL, em São Paulo

2016-05-12T12:29:54

12/05/2016 12h29

Pela primeira vez em sua história, a Square Enix obteve mais rendimentos a partir de seus jogos para celulares do que de games para plataformas tradicionais, como consoles e portáteis.

A revelação foi feita nesta quinta-feira (12) após divulgação do relatório financeiro da empresa para o ano fiscal terminado em março de 2016.

Dos 159 bilhões de ienes totais gerados de receita pela empresa, 68,8 bilhões vieram do formato mobile, contra 58,5 bilhões vindos de games tradicionais como "Rise of the Tomb Raider", "Just Cause 3" e "Dragon Quest Builders". Os 23,3 bilhões restantes ficaram a cargo de MMOs como "Final Fantasy XIV" e "Dragon Quest X".

No ano fiscal anterior, as rendas de jogos para consoles e jogos mobile tinham ficado muito próximas - 44,4 bilhões de ienes e 44,2 bilhões, respectivamente.

A Square Enix atribui o sucesso de sua divisão mobile a uma série de lançamentos recentes de sucesso, como "Final Fantasy Record Keeper", "Kingdom Hearts Unchained chi" e "Final Fantasy Brave Exvius".

Vários outros games que foram contabilizados como sucesso no formato, como "Grimms Notes" e "Final Fantasy Grandmasters", ainda nem foram lançados fora do Japão.

Mais PlayStation